Broadcom funde Symantec e Carbon Black em nova unidade

Da Redação
12/03/2024

A gigante da tecnologia Broadcom anunciou nesta segunda-feira, 11, a fusão do seu negócio de software de segurança Carbon Black com a Symantec que resultará em uma nova unidade que vai combinar as tecnologias de telemetria de rede e dados com as de detecção e resposta de endpoint (EDR).

Após recém-adquirir a VMware — proprietária da Carbon Black —, por US$ 69 bilhões, a Broadcom criou uma nova unidade de negócios do Enterprise Security Group para gerenciar seu portfólio de segurança cibernética e trabalhar na fusão das ferramentas de proteção de dados e rede da Symantec com EDR e produtos de controle de aplicativos da Carbon Black. A Broadcom adquiriu a Symantec em 2019 por US$ 10,7 bilhões.

“Trazer a telemetria de rede e de dados para o sistema da Carbon Black permitirá maior visibilidade e controle para nossos clientes”, disse Rob Greer, vice-presidente e gerente geral do novo Enterprise Security Group.

Veja isso
Broadcom compra a VMware por US$ 61 bilhões
VMware pode ser adquirida (já) pela Broadcom

“Inicialmente, investiremos em pesquisa e desenvolvimento para melhorar e prolongar a vida útil  dos produtos que nossos clientes usam, tanto on-premises quanto em nuvens híbridas. Também estamos entusiasmados com a natureza complementar de ambos os conjuntos de tecnologias. Por exemplo, a Symantec possui um produto de segurança de data center para proteger cargas de trabalho tradicionais no data center. A Carbon Black tem uma solução complementar. Com acesso a esses dois conjuntos de tecnologia, os gestores de segurança estarão ainda mais bem equipados para proteger as suas infraestruturas”, acrescentou o executivo.

Greer disse que os portfólios de produtos Symantec e Carbon Black continuarão a operar em seus estados atuais no futuro imediato, observando que ambas as marcas serão apoiadas pela estabilidade financeira da Broadcom.

Compartilhar: