Wind River adquire controle acionário da Star Lab

A Star Lab é dona de um conjunto de ferramentas de proteção de sistemas e anti-adulteração para Linux, um hipervisor baseado em código aberto e uma solução de inicialização segura

A Wind River, empresa da Califórnia especializada em software para “borda inteligente”, anunciou ontem a aquisição da Star Lab, sediada em Washington (DC), especializada em segurança cibernética para sistemas embarcados. A Star Lab é dona de um conjunto de ferramentas de proteção de sistemas e anti-adulteração para Linux, um hipervisor baseado em código aberto e uma solução de inicialização segura. Ela é agora uma subsidiária integral da Wind River. Os termos da aquisição não foram divulgados.

A Star Lab fornece segurança integrada para alguns dos sistemas, infra-estrutura e equipamentos de missão crítica mais importantes do mundo. A empresa afirma que suas soluções nasceram e se desenvolveram no setor aeroespacial e de defesa, e podem enfrentar os desafios mais difíceis de segurança em infraestrutura crítica, “incluindo proteção proativa de sistemas, mesmo durante ataques sofisticados e direcionados que violam os mecanismos defensivos tradicionais”. A aquisição da Star Lab, segundo a Wind River, amplia sua estratégia no oferecimento segurança em todo um sistema, desde a inicialização até a implantação e operações.

“As ofertas da Star Lab representam um complemento e extensão perfeitos para o portfólio da Wind River, porque os recursos de cibersegurança e anti-adulteração de Linux estão se tornando um fundamentais em setores como o aeroespacial, automotivo, defesa e industrial”, disse Jim Douglas, presidente e CEO da Wind River. “Nossos clientes desejam criar em suas linhas de produtos diferenciação baseada em segurança, usando uma abordagem de segurança em várias camadas; combinando os pontos fortes relacionados à segurança e ao Linux de ambas as empresas, acreditamos que seremos capazes de oferecer um aumento imediato de valor e uma vantagem competitiva. ”

Os produtos da Star Lab, afirma o comunicado da Wind River, são baseados em uma filosofia de engenharia com seguraça desde o projeto, com padrões que reduzem a superfície de ataque, isolam funcionalidades críticas e contêm ou mitigam até ataques bem-sucedidos. Os produtos da empresa estão em conformidade com os controles técnicos da norma NIST 800-53 para sistemas de informações federais e passam com frequência em testes independentes de verificação / validação.

Compartilhe
Compartilhar no email
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp