Veeam abre subsidiária só para atender governo dos EUA

Empresa já nasce com 1.200 clientes e seu foco é defender as agências federais dos ataques de ransomware
Da Redação
24/06/2021
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest

A Veeam Software, que no Brasil opera com soluções de backup, anunciou na última semana a abertura de uma subsidiária apenas para atender as agências federais do governo dos EUA. A empresa se chama Veeam Government Solutions (VGS ) e já nasce com 1.200 clientes governamentais. A explicação da empresa para a abertura da subsidiária é o volume e a sofisticação dos ataques de ransomware, contra os quais a Veeam anuncia fornecer proteção de dados moderna, com recursos adicionais do setor.

Com sede em Washington DC, a VGS anunciou soluções já verificadas e validadas de forma independente por agências terceirizadas baseadas no governo federal dos EUA. A empresa recebeu várias certificações críticas de segurança e TI, entre as quais US Navy DADMS e NIST – 1800-11, e afirma que está trabalhando para obter certificações de outras organizações federais.

Veja isso
Comunidade de segurança dos EUA eleva grau de alerta
Fúria dos EUA põe em fuga operadores de ransomware

Earl Matthews, presidente da nova empresa, comentou: “Fundamos a VGS para ser ainda mais focada no mais alto nível de segurança e mais ágil no suporte às necessidades das agências federais. Estamos empenhados em encontrar continuamente melhores maneiras de servir o governo, resolver seus maiores desafios de dados e proteger as informações que são um ativo estratégico para tudo que as organizações governamentais fazem”.

Como a clientela da Veeam Government Solutions inclui organizações governamentais, a VGS escolheu cuidadosamente os membros do seu conselho de administração e um conselho consultivo independente, para apoiá-la em suas operações e tomada de decisões estratégicas. Estão no conselho de administração da VGS:

  • Nick Ayers , sócio-gerente da Ayers Neugebauer & Co. e membro do Conselho de Administração da Veeam, atuou nos mais altos escalões do governo, incluindo a Casa Branca.
  • Earl Matthews , presidente da VGS, foi ex-diretor sênior de política e estratégia de defesa no Conselho de Segurança Nacional e ex-conselheiro geral interino do Exército.
  • Gil Vega, CISO da Veeam. Vega ocupou vários cargos de liderança em segurança cibernética no Departamento de Defesa dos EUA, Comunidade de Inteligência e em serviços financeiros. Ele também atuou como diretor associado de informações e CISO para o Departamento de Energia dos EUA e como CISO para o Departamento de Imigração e Alfândega dos EUA em Washington, DC.

No Conselho Consultivo estão Harry Coker, proprietário do Primis Principiis; Chad Sweet, cofundador e CEO do Chertoff Group, e o tenente-general (USAF, aposentado) Thomas Trask, presidente da SO&A Consulting LLC, todos veteranos no setor e que, em algum momento de suas carreiras, serviram em uma agência federal.

Com agências de notícias internacionais

Compartilhar:

Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest