twitter-1795652_1280-1.jpg

Twitter admite que ‘incidente’ expôs tuítes do Circle

Da Redação
07/05/2023

O Twitter divulgou que um ‘incidente de segurança’ fez com que tuítes privados enviados pelo Circle fossem exibidos publicamente para usuários da rede social. O Circle é um recurso lançado em agosto de 2022 que permite aos usuários enviar tuítes para um pequeno círculo de amigos, sob a promessa de mantê-los privados.

Por volta de 7 de abril, usuários do Twitter começaram a avisar que tuítes do Circle estavam sendo mostrados publicamente em suas linhas do tempo para pessoas de fora do círculo. 

Em uma notificação enviada aos usuários afetados na sexta-feira, 5, o Twitter diz que um “incidente de segurança” está por trás da exibição pública de tuítes privados do Twitter Circle. “Estamos entrando em contato com você porque sua conta do Twitter pode ter sido potencialmente afetada por um incidente de segurança ocorrido no início deste ano [abril de 2023]”, diz a notificação de incidente de segurança enviada pela empresa.

“Em abril, um incidente de segurança pode ter permitido que usuários fora do Circle do Twitter vissem tuítes que deveriam estar limitados ao círculo para o qual você estava postando. Esse problema foi identificado por nossa equipe de segurança e corrigido imediatamente para que esses tweets não eram mais visíveis fora do seu Circle.”

Veja isso
Código-fonte do Twitter vazou por meio do repositório GitHub
Suprema Corte dos EUA pode punir Twitter por ato de terrorista

Segundo a empresa, foi realizada uma investigação completa para entender como isso ocorreu e como o problema foi abordado. “O Twitter está comprometido em proteger a privacidade das pessoas que usam nosso serviço e entendemos os riscos que um incidente como esse pode apresentar e lamentamos profundamente isso aconteceu.”

Embora o Twitter não tenha compartilhado o que causou esse incidente de segurança, a rede social mudou rapidamente a plataforma desde que Elon Musk adquiriu a empresa. Muitas dessas mudanças giravam em torno do aumento da exposição dos tuítes por meio do algoritmo de recomendação do Twitter, que Musk disse no final de março que seria atualizado a cada 28 horas a 48 horas.

Compartilhar: