airplane-422275_1280.jpg

Spam com foto de acidente cancela vôo em Israel

Foto de um acidente com avião da Turkish ocorrido em 2009 foi recebida por todos os passageiros que possuíam iPhones
Da Redação
11/05/2022

Um vôo da AnadoluJet, subsidiária da Turkish Airlines, operado com um Boeing 737, foi cancelado ontem pouco depois que a aeronave começou a taxiar para a decolagem de Israel para a Turquia: houve pânico a bordo depois que uma foto de um acidente com um avião da Turkish ocorrido em 2009 foi recebida por passageiros que possuíam iPhones.

Veja isso
Aeroportos são os que mais investirão em cibersegurança até 2030
Wi-fi de aviões está vulnerável, afirma pesquisador

Segundo um dos passageiros, as mensagens chegaram ao telefone quando todos já haviam colocado os cintos de segurança e o avião já taxiava. A maioria recebeu uma solicitação para confirmar o recebimento da foto via AirDrop, e alguns passageiros confirmaram o recebimento. O AirDrop é um serviço dos sistemas operacionais da Apple para envio de fotos, vídeos, sites e localização, por exemplo, para outros dispositivos próximos por Wi-Fi e Bluetooth.

Depois da retorno ao terminal, a polícia entrevistou os passageiros que haviam recebido as fotos. De acordo com a estação de rádio do exército israelense Galei Tsahal, 166 passageiros receberam fotos com cenas de acidentes de avião. Quem está por trás da distribuição das fotos é desconhecido, mas as agências de aplicação da lei descartam a possibilidade de um ataque cibernético.

“Isso não é um ataque cibernético. A fonte das imagens estava no avião. Todos os passageiros e bagagens foram submetidos a novas buscas e a polícia, juntamente com outras agências de aplicação da lei, abriu uma investigação”, disse o porta-voz do aeroporto.

A segurança do aeroporto também está investigando. Segundo ela, o voo acontecerá assim que os especialistas confirmarem que nada ameaça os passageiros e a aeronave.

Compartilhar:

Últimas Notícias