Image by Carlo Armanni from Pixabay

Site do Vaticano sai do ar após suspeita de ataque

Da Redação
01/12/2022

O site oficial do Vaticano saiu do ar na noite de ontem, dia 30 de novembro, por causa de “tentativas anormais de acesso”, segundo comunicado da Santa Sé. “Investigações técnicas estão em andamento devido a tentativas anormais de acessar o site”, disse o porta-voz do Vaticano, Matteo Bruni, sem acrescentar outros detalhes.

Veja isso
Redes do Vaticano foram invadidas pela China, acusa relatório
Hackers que podem ser chineses voltam a espionar o Vaticano

Na verdade, vários outros sites do Vaticano ficaram offline ao longo da quarta-feira, até que o site oficial Vatican.va se tornou inacessível até tarde da noite em Roma, possivelmente por causa de um ataque de negação de serviço. O suposto ataque ocorre um dia depois de Moscou repreender a mais recente condenação do Papa Francisco à invasão da Ucrânia pela Rússia.

“Os terroristas russos hoje atingem os sites do Estado do Vaticano: muitas páginas da web de diferentes estruturas da Cúria Romana tornaram-se inacessíveis”, tuitou Andrii Yurash, embaixador ucraniano no Vaticano. “Os hackers russos mais uma vez demonstram a verdadeira face da política russa”, acrescentou, dizendo que foi uma “resposta às últimas declarações” do papa. O Papa Francisco criticou repetidamente a invasão russa da Ucrânia. “A loucura da guerra”, disse Francisco em sua audiência geral semanal em agosto. “Os inocentes pagam pela guerra – os inocentes! Pensemos nesta realidade e digamos uns aos outros: a guerra é uma loucura”.

Compartilhar: