Russos suspeitos de ataque à Sony

Paulo Brito
07/02/2015

russia-bandeiraHá uma nova reviravolta na história da devastadora invasão da Sony Pictures no ano passado: uma empresa de segurança diz que hackers russos também tomaram parte secretamente no ataque. E a empresa diz que esses hackers ainda têm acesso aos sistemas de computadores do estúdio de cinema. Na quarta-feira passada a empresa Taia Global divulgou um relatório alegando que hackers russos conseguiram ter acesso aos sistemas de computador da Sony Pictures Entertainment, ao mesmo tempo em que o grupo de hackers conhecido como Guardians Of Peace lançava um ataque maciço ao estúdio, como relatado pela PC World. Grandes quantidades de informações confidenciais da empresa foram publicadas online pelo ataque de dezembro, incluindo seleção de filmes e e-mails de executivos. O consenso que prevalece é que a Coreia do Norte foi responsável, como represália pela comédia de James Franco “A Entrevista”. O governo americano culpou publicamente esse Estado pela invasão. Alguns pesquisadores de segurança já haviam contestado isso, e a Taia agora está desafiando essa narrativa.

Compartilhar: