Riscos pioram o cenário para o seguro cibernético

Para 86% dos líderes de segurança, a proteção contra ransomware é uma prioridade orçada em 2022
Da Redação
18/03/2022

O aumento na frequência e no custo dos ataques de ransomware levou esse incidente e seu nível de risco para as diretorias e colocou o setor de seguros cibernéticos sob extrema pressão. Dados de uma pesquisa publicada ontem pela empresa de segurança Panaseer com mais de 1.200 líderes globais de segurança corporativa mostra que 84% dos entrevistados disseram que seu conselho agora quer entender seus níveis de proteção contra ransomware; quase todos (91%) os líderes de segurança estão relatando seus níveis de proteção contra ransomware aos conselhos. E para 86% dos líderes de segurança, a proteção contra ransomware é uma prioridade com orçamento em 2022.

Pouco mais de um quarto dos líderes de segurança (29%) acredita que estará pronto nos próximos 12 meses, mais da metade (57%) espera estar pronto nos próximos 13-24 meses, com 14% sem certeza de quando será capaz de compartilhar os dados. O setor mais preparado é o de serviços financeiros (46,5 por cento dos entrevistados estariam prontos nos próximos 12 meses), seguido por saúde (46 por cento), serviços públicos (27 por cento), ciências da vida (21 por cento), energia (20 por cento). por cento) e por último no retalho (13 por cento).

Veja isso
Guerra desafia linguagem das apólices de seguro cibernético
Contratação de seguro cibernético cresce 161% no Brasil

A proliferação de ransomware levou a um aumento na frequência e no valor das indenizações de seguro cibernético. Como tal, muitos provedores de seguros aumentaram seus preços e rejeitaram clientes sem precauções suficientes de segurança cibernética. De acordo com a Marsh, o preço da cobertura nos EUA cresceu 130% apenas no quarto trimestre de 2021, enquanto no Reino Unido cresceu 92%.

A pesquisa da Panaseer mostra que as empresas estão dispostas a fazer essa mudança, mas ainda não estão prontas. De acordo com a pesquisa, todos os líderes de segurança estariam dispostos a demonstrar a força de seu programa cibernético para seguradoras, com métricas orientadas por dados, se isso significasse que poderiam reduzir seu prêmio de seguro cibernético. No entanto, nenhum deles está pronto para fazer isso imediatamente.

Nos últimos anos, o cenário cibernético foi dominado por um aumento acentuado nos ataques de ransomware. De acordo com a SonicWall , os ataques de ransomware aumentaram 105% em 2021 e o relatório da Sophos, o “ State of Ransomware 2021 ”, revelou que o resgate médio pago agora é de US$ 170.404, mas a correção custa US$ 1,85 milhão , dez vezes o tamanho do pagamento do resgate, em média.

Com agências de notícias internacionais

Compartilhar:

Últimas Notícias