differential-calculus-2820657_1280.jpg

Plataforma acadêmica Lattes está fora do ar há quatro dias

Nesta terça-feira, 27, o CNPq soltou nota afirmando que, além de identificar a causa da indisponibilidade dos sistemas, já teria iniciado o reparo
Da Redação
27/07/2021
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest

A plataforma Lattes, que reúne currículos de pesquisadores brasileiros e seus trabalhos acadêmicos, está fora do ar desde a segunda-feira, 26. Ela é composta por quatro sistemas onde cientistas, professores e pesquisadores registram seus currículos para conseguirem bolsas de pesquisa, vagas em universidades e participarem de editais e concursos. 

O Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), ligado ao Ministério da Ciência, Tecnologia e Informações, informou nesta terça-feira, 27, que identificou o problema que retirou do ar todos os seus sistemas e plataformas, mas não informou a causa que tirou todos os sistemas do ar nem deu um prazo para o restabelecimento da rede. O órgão garantiu, no entanto, que não houve perda dos dados de pesquisas e de pesquisadores.

Veja isso
Incidente derrubou quatro áreas acadêmicas da Unicamp
Unicamp comunica invasão em sistemas da Diretoria Acadêmica

Mais tarde, nas redes sociais, o CNPq disse que, além de ter identificado a causa da indisponibilidade dos sistemas, já teria iniciado o reparo. Também acrescentou que a migração dos dados havia sido feita antes do ocorrido e que alguns backups apoiaram o restabelecimento dos sistemas. “Não há perda de dados da Plataforma Lattes”, afirmou o órgão.

Ainda no novo comunicado, o CNPq informou que o pagamento das bolsas não será afetado, além de reforçar que todos os prazos de ações relacionadas ao fomento do CNPq, incluindo a prestação de contas, estão suspensos. 

Compartilhar:

Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest