PF suspende agendamento de passaporte após ciberataque

PF informa que os agendamentos previamente realizados serão atendidos normalmente na data e horário marcados
Da Redação
19/04/2024

A Polícia Federal interrompeu nesta quinta-feira, 18, o serviço de agendamento de emissão de passaporte devido a uma tentativa de invasão nos sistemas da corporação no início da semana. De acordo com a PF, após a detecção da possível invasão, a corporação suspendeu temporariamente por precaução a plataforma de agendamento de emissão de passaportes.

Ainda não há detalhes a respeito da invasão e dos possíveis autores do ataque hacker. Segundo a PF, o serviço será retomado quando a integridade do sistema estiver garantida. Em nota, a corporação orientou que todos que já tiverem concluído o agendamento poderão comparecer ao local previsto para dar continuidade no processo de emissão de passaportes.

Veja isso
PF prende suspeito de invadir sites do Senado, Exército e TSE
PF prende quatro acusados de hack de R$ 6 milhões à Caixa

Para os usuários que não tiverem viagem programada para os próximos 30 dias, a Polícia Federal recomenda aguardar a normalização do serviço. Já aqueles que comprovadamente tenham necessidade da emissão do documento de viagem nos próximos dias devem enviar por e-mail a documentação comprobatória da urgência a uma unidade emissora de passaporte. 

A Polícia Federal diz que segue trabalhando para reestabelecimento o célere do serviço.

Compartilhar:

Últimas Notícias