data center

Pane em data center Equinix deixou parte de Londres sem Internet

O incidente foi no data center da área de Docklands, na capital britânica, e teve consequências durante 14 horas
Da Redação
18/08/2020
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest

Uma pane num no-break seguido de um alarme de incêndio no início da manhã de hoje, exigiu o desligamento de vários sistemas no data center IBX LD8 da Equinix, um dos maiores do país, instalado no bairro de Docklands, em Londres. A consequência foi a derrubada do serviço de vários provedores de acesso à internet, causando enormes problemas de telecomunicações durante a maior parte do dia. Esse data center hospeda, entre outros serviços, o London Internet Exchange (LINX), um dos maiores pontos de troca de tráfego do mundo, com mais de 900 redes autônomas (ASNs) de 80 países.

Segundo o periódico The Register, operam no IBX LD8 centenas de empresas de telecomunicações, incluindo provedores de acesso como British Telecom, Sky e Virgin Media, bem como empresas menores e provedores de conteúdo.

Para alguns clientes, o problema durou até 14 horas. O incidente foi anunciado pela própria Equinix às 8 horas da manhã, horário de Brasília, por meio de um post no Twitter. O tweet dizia o seguinte: “Hoje o Equinix IBX LD8, em Docklands, Londres, Reino Unido, passou por uma queda de energia. Isso afetou os clientes que estão lá. A interrupção também pode ter afetado os serviços de rede dos clientes”. Há notícias de que inclusive a British Telecom hospeda serviços nesse data center.

Veja isso
Symantec: data centers globais fora do ar durante 2h ontem
Equinix lança Disaster Recovery as a Service

Numa sequência posterior de tweets, a  Equinix informou: “Os engenheiros da Equinix diagnosticaram a causa do problema como sendo um sistema UPS (fonte de alimentação ininterrupta) com defeito e estamos trabalhando com nossos clientes para minimizar o impacto. Lamentamos qualquer inconveniente que isso tenha causado”.

Outro tweet informou: “Devido a este incidente, estamos permitindo aos clientes um acesso mais flexível ao LD8 trabalhando dentro de nossas restrições Covid-19, incluindo verificações de temperatura obrigatórias e uso de coberturas faciais. A segurança de nossos funcionários e clientes é nossa maior prioridade.”

As consequências para muitas empresas deixaram os gestores de Tecnologia da Informação Furiosos. O portal Datacenter Dynamics informou que empresas como Epsilon, SiPalto, EX Networks, Fast2Host, ICUK.net e Evoke Telecom recorreram às redes sociais para se desculpar com seus clientes pela interrupção dos seus serviços, e que seis horas depois ainda havia clientes da Equinix finalizando o retorno das operações.

Nas redes sociais, clientes prejudicados questionaram se de fato apenas um simples nobreak havia causado tantos problemas.

O que é no-break

Um UPS, mais conhecido no Brasil como nobreak, é uma fonte de alimentação ininterrupta, ou Uninterruptible Power Supply em inglês. Trata-se de um sistema que entra em ação quando há interrupção no fornecimento de energia elétrica convencional (das distribuidoras de eletricidade). A corrente elétrica do UPS é fornecida por uma ou mais baterias, que vão sendo carregadas quando o equipamento não está sendo utilizado. Além de permitir o funcionamento contínuo de equipamentos elétricos, o UPS entrega a eles energia em tensão estabilizada, uniforme. 

Com agências internacionais

Compartilhar:

Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest

Inscrição na lista CISO Advisor

* campo obrigatório