Panasonic comunica intrusão em servidor de arquivos

Incidente ocorreu no dia 11 de novembro de 2021. A empresa descobriu que “alguns dados de um servidor de arquivos foram acessados durante a invasão”
Da Redação
29/11/2021

Uma onda de ataques a empresas de tecnologia está varrendo o Japão e a vítima mais recente é a Panasonic: a empresa comunicou na última sexta-feira, dia 26 de novembro, a intrusão num de seus servidores de arquivos e o acesso a informações. Segundo o comunicado, em 11 de novembro “terceiros” obtiveram acesso ilegal a uma rede interna. “Como resultado de uma investigação interna, descobriu-se que alguns dados em um servidor de arquivos foram acessados ​​durante a invasão” diz a nota. A porta-voz da Panasonic, Dannea DeLisser, confirmou ao portal de notícias online TechCrunch que o acesso começou em 22 de junho de 2021 e terminou em 3 de novembro de 2021- e que o acesso não autorizado só foi descoberto em 11 de novembro.

O grupo de tecnologia tem sede em Osaka, Japão, e deu poucas informações sobre o ataque. Em seu comunicado à imprensa, a Panasonic afirmou que havia relatado o incidente às autoridades competentes e que havia tomado medidas para impedir o acesso de servidores externos à sua rede. Além de sua própria investigação, eles estão trabalhando com uma “organização terceirizada especializada” para investigar o vazamento de dados e determinar “se havia dados pessoais de clientes e / ou dados confidenciais em conexão com o incidente”. Veja abaixo a nota da empresa.

Veja isso
McAfee e Panasonic apostam em SOC para segurança global de veículos
Risco iminente em dispositivos SonicWall SRA e SMA

26 de novembro de 2021

Aviso de acesso não autorizado ao servidor de arquivos

A Panasonic Corporation confirmou que sua rede foi acessada ilegalmente por um terceiro em 11 de novembro de 2021. Como resultado de uma investigação interna, foi determinado que alguns dados sobre um servidor de arquivos foi acessado durante a invasão. Após detectar o acesso não autorizado, a empresa relatou imediatamente o incidente às autoridades competentes e implementou contra-medidas de segurança, incluindo medidas para prevenir o acesso externo à rede. Além de conduzir sua própria investigação, a Panasonic está atualmente trabalhando com uma organização terceirizada especializada para investigar o vazamento e determinar se a violação envolveu informações pessoais dos clientes e / ou informações confidenciais relacionadas à infraestrutura social. A Panasonic gostaria de expressar suas sinceras desculpas por qualquer preocupação ou inconveniente resultante deste incidente.

Com agências de notícias internacionais

Compartilhar:

Últimas Notícias