OTRS apresenta solução de segurança cibernética

Paulo Brito
21/10/2018
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest

A OTRS AG, fornecedora líder de soluções para gerenciamento de processos e comunicações, apresenta o STORM, Security Threat Operational Response Management, solução que  atua como o backbone técnico e gerencia as respostas operacionais às ameaças de segurança cibernética em empresas de diferentes mercados. Considerada a  maior conferência da América Latina, o evento acontece de 15 a 18 de outubro e será realizado no São Paulo Expo Center.

O STORM suporta o trabalho de CERTs (computer emergency response team), SOCs (security operations center), Cyber ​​Defense Center e equipes internas de segurança de TI, pelo manuseio, administração e avaliação de incidentes de segurança com o uso de bancos de dados e funções de troca, análise, avaliação e armazenamento de informações estruturadas.
Para o trabalho das equipes de Defesa Cibernética, o STORM oferece envios elaborados de processos de segurança, uma plataforma de alto tráfego com a Comunidade de Segurança Cibernética da OTRS e um conjunto cuidadosamente montado de funções para fluxos de trabalhos críticos para segurança.
Na ala Futuretech, a OTRS demonstrará os processos específicos para cada cenário de ameaças e como o STORM permite aprovações baseadas em funções para diferentes grupos de usuários. Ele também permite a comunicação completamente criptografada entre usuários claramente autenticados em eventos relevantes para a segurança e os documenta de maneira legalmente compatível.

“Os negócios se tornaram digitais e, portanto, estão expostos a um risco maior de ataques cibernéticos”, afirma Jens Bothe, diretor global de consultoria da OTRS AG. Em seu produto, a OTRS AG combina duas de suas principais competências: a tecnologia para o gerenciamento eficiente de incidentes, que se provou mundialmente por muitos anos em seu sistema de help desk open source OTRS; e grande conhecimento em processos de segurança de TI, desenvolvido através de anos de estreita cooperação com autoridades como o Escritório Federal de Segurança da Informação (BSI) e empresas internacionais como a ENAV, responsável pelo controle de tráfego aéreo no espaço aéreo italiano.

Compartilhar:

Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest