Segurança e nuvem entre os 10 maiores salários de 2020

No equivalente em Reais, variam de 43 mil a 70 mil, segundo pesquisa feita nos EUA, mas todos exigem certificações complexas

Os salários mais altos em TI estão sendo pagos a profissionais com certificação em nuvem ou segurança. Profissionais de TI com essas habilidades estão em alta demanda e recebem os maiores salários do setor nos EUA, segundo a pesquisa 2020 IT Skills and Salary, elaborada pela econsultoria Global Knowledge, a ser publicada no segundo trimestre de 2020. Os dez maiores salários e suas certificações são os seguintes:

  1. Google Certified Professional Cloud Architect — US $175,761
  2. AWS Certified Solutions Architect – Associate —  US $149,446
  3. CISM – Certified Information Security Manager —  US $148,622
  4. CRISC – Certified in Risk and Information Systems Control —  US $146,480
  5. PMP® – Project Management Professional —  US $143,493
  6. CISSP – Certified Information Systems Security Professional —  US $141,452
  7. CISA – Certified Information Systems Auditor —  US $132,278
  8. AWS Certified Cloud Practitioner —  US $131,465
  9. VCP6-DCV: VMware Certified Professional 6 – Data Center Virtualization —  US $130,226
  10. ITIL® Foundation —  US $129,402

Segundo a ISACA, três credenciais dos seus certificados estão entre os top 10: Certified Information Security Manager (CISM), Certified in Risk and Information Systems Control (CRISC) e Certified Information Systems Auditor (CISA).

A pesquisa da Global Knowledge deste ano traz também um pequeno perfil do profissional certificado com cada uma dessas credenciais, quantas credenciais em média ele possui, qual outra certificação provavelmente terá, idade e cargo mais provável.

Entre as certificações da ISACA, a CISM ficou em terceiro lugar. É a certificação de gerenciamento de segurança corporativa e segurança cibernética mais bem paga da lista – uma credencial que permite a transição das funções de tecnólogo de segurança para o gerenciamento de segurança de informações corporativas. Como a segurança da informação se tornou um imperativo em toda a empresa – com alta visibilidade no quadro do conselho – o CISM atende a uma necessidade urgente de profissionais de segurança desenvolverem as habilidades de gerenciamento necessárias para conectar os programas de segurança de TI à liderança executiva.

CRISC é a quarta da lista, com um salário médio de US$ 146.480. O CRISC é ideal para profissionais envolvidos no gerenciamento e controle de riscos corporativos que procuram conectar práticas de risco a objetivos e estratégias empresariais mais amplos. Os profissionais certificados pelo CRISC podem avaliar, projetar e implementar planos eficazes e sistemas de gerenciamento de riscos corporativos para atenuar os riscos e estabelecer uma perspectiva e linguagem comuns sobre os riscos de TI que criam alinhamento em toda a empresa.

A credencial CISA da ISACA ficou em sétimo lugar na lista Global Knowledge, com um salário médio de US $ 132.278. Ela CISA é considerada o padrão-ouro de certificações para profissionais de auditoria, controle e garantia de TI. Em 2019, a prática profissional do CISA foi atualizada para refletir novas áreas de ênfase, incluindo a capacidade de profissionais certificados pela CISA realizarem testes técnicos de segurança para identificar ameaças e vulnerabilidades em potencial, incorporar o uso de ferramentas de análise de dados e avaliar oportunidades e ameaças potenciais com tecnologias, regulamentações e práticas emergentes da indústria.

Com agências internacionais

Compartilhe
Compartilhar no email
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp