MS e Check Point apresentam solução para proteger filiais

CloudGuard Connect agora está hospedado na Azure, podendo atender especialmente clientes que possuam filiais, usando a Virtual WAN da Microsoft ou que tenham tráfego de saída para Internet

Check Point e Microsoft começaram a apresentar ao mercado uma solução em nuvem para proteção de filiais, pontos de venda e sites, chamada CloudGuard Connect Azure. A apresentação foi no Microsoft Ignite, evento iniciado dia 3 e que termina hoje em Orlando (Flórida). Segundo informações da Check Point, a solução é associada ao Microsoft Azure Firewall Manager. Fernando de Falchi, gerente de Engenharia de Segurança da Check Point Brasil, explica que CloudGuard Connect Azure é um produto projetado para proteger clientes que possuem Virtual WAN da Microsoft ou que tenham tráfego de saída para Internet a partir da infraestrutura Azure.

A solução, segundo a companhia, agora também está hospedada no ambiente Azure, onde os clientes que a contratam obtêm conectividade e segurança “ideais em todo o mundo. Os clientes Microsoft Azure podem implementar perfeitamente a prevenção de ameaças Check Point Cloud Guard para proteger as conexões das suas filiais à Internet e às aplicações SaaS”, diz o comunicado sobre a parceria

Falchi, da Check Point, detalha que a solução serve para proteger os clientes na Microsoft Virtual WAN e também o tráfego de saída dos servidores ou aplicações da infraestrutura do cliente na Azure para a Internet. No primeiro caso, o cliente trabalha com pontos de presença da Azure espalhados pelo mundo – as filiais utilizam os pontos mais próximos para conexão. A solução da Check Point está disponível aí para a integração com a Azure nesses mesmos hubs. Quando o cliente decide utilizar os serviços de segurança da Check Point, desabilita o Firewall da Azure e adiciona a Check Point como “Parceiro de Segurança Confiável” para fazer a inspeção de todo o tráfego das filiais da sua empresa com destino à internet.

A segunda possibilidade de uso da solução é para inspecionar o tráfego de saída para Internet do cliente que utiliza a Azure como infraestrutura; ele pode realizar a inspeção de saída para a Internet dos servidores e aplicações existentes, desde que esteja utilizando o Firewall da Azure.

Compartilhe
Compartilhar no email
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp