MCTI e Embrapii investirão R$ 60 mi em centro de cibersegurança

Recurso será aplicado em fortalecimento e ampliação de novos conhecimentos na área; a chamada pública já foi publicada
Erivelto Tadeu
01/06/2023

O Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) e a Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial (Embrapii) vão criar um centro de competência em segurança cibernética. Com investimento de R$ 60 milhões, a iniciativa vai atuar no desenvolvimento de pesquisas, formação e qualificação de recursos humanos e atendimento às principais demandas das indústrias nacionais nessa área.

O Centro de Competência Embrapii terá atuação voltada para o fortalecimento e a ampliação de novos conhecimentos na área, considerada fronteira tecnológica. Ele também vai se dedicar a identificar, proteger, detectar, responder e recuperar sistemas prejudicados por ataques virtuais ou falhas acidentais, minimizando seus impactos.

A chamada pública que prevê a criação do Centro de Competência Embrapii em Segurança Cibernética e seleção de uma instituição de ciência e tecnologia (ICT) brasileira para gestão do mesmo foi publicada no dia 23 de maio no site da Embrapii: https://embrapii.org.br/chamadas-publicas/chamada-publica-centro-competencia-01-2023/.

A chamada para credenciar a ICT é realizada em parceria com o MCTI, com recursos do Programa Prioritário PPI IoT/Manufatura 4.0, no âmbito da Lei de Informática (Lei de TICs). A selecionada terá acesso aos recursos para desenvolver, em 42 meses, conhecimento, formação e capacitação de mão de obra para atividades de pesquisa, desenvolvimento e inovação (PD&I) de tecnologias estratégicas para o segmento.

Na próxima segunda-feira, 5, às 16h30, a Embrapii fará uma palestra online para apresentar a chamada pública e fazer esclarecimentos. As ICTs interessadas vão poder participar por este link: meet.google.com/uim-tfcg-tao

Após o processo de candidatura e seleção das ICTs, o anúncio do Centro de Competência Embrapii em Segurança Cibernética está previsto para 26 de janeiro de 2024.

Veja isso
Governo lança Centro Integrado de Segurança Cibernética
SAS lança centro de inovação

A Embrapii anunciou em maio os três primeiros Centros de Competência Embrapii em áreas de fronteira tecnológica. Com investimento de R$ 180 milhões, esses locais serão responsáveis por pesquisas e formação de competências em setores de tendências de inovação. Com o apoio deles, a indústria brasileira poderá acompanhar esse movimento e acessar as possibilidades oferecidas por tecnologias ainda emergentes.

O Instituto Nacional de Telecomunicações (Inatel), em Santa Rita do Sapucaí, em MInas Gerais, será responsável pelo Centro de Competência Embrapii na área de Tecnologia e Infraestruturas de Conectividade 5G e 6G. O Centro de Excelência em Inteligência Artificial da Universidade Federal de Goiás (CEIA-UFG), em Goiânia, será o Centro de Competência Embrapii em Tecnologias Imersivas Aplicadas a Mundos Virtuais. E o CPqD (Centro de Pesquisa e Desenvolvimento em Telecomunicações), em Campinas, em São Paulo, cuidará do Centro de Competência Embrapii em Open RAN (Open Radio Access Networks).

Compartilhar: