banner senha segura
senhasegura
john mcafee

John McAfee se suicidou, suspeita polícia espanhola

McAfee foi encontrado morto na cela. Pela manhã, a Justiça espanhola havia aceitado o pedido de sua deportação para os EUA
Da Redação
23/06/2021
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest

Suicídio é a principal suspeita da polícia espanhola para explicar a morte de John McAfee esta tarde. McAfee foi encontrado morto na cela na qual estava preso no módulo 1 do Centro Penitenciário de Brians 2, em Barcelona. Criador de um dos primeiros antivírus do mercado, ele tinha 75 anos. Pela manhã, o Tribunal Nacional espanhol havia aprovado o pedido de extradição dele, solicitado pelo Departamento de Justiça dos Estados Unidos. McAfee estava sendo processado por evasão fiscal. As primeiras notícias sobre o assunto foram publicadas na Espanha por volta de 16h, hora de Brasília.

A justiça da Espanha informou que vigilantes da prisão e funcionários dos serviços médicos entraram em ação para praticar manobras de reanimação mas não tiveram sucesso.

Veja isso
Criador do antivírus John McAfee é preso sob acusação de evasão fiscal
O fim da McAfee, sob os aplausos de John McAfee

McAfee foi preso em outubro do ano passado no aeroporto de Barcelona, ​ antes de embarcar num vôo para Istambul. Desde então ficou em prisão preventiva e seus advogados tentaram obter sua liberdade de diversos modos mas nenhum foi aceito pela Justiça espanhola. A rejeição dos pedidos se baseia nas considerações de que havia risco de fuga “e que o preso “não tem quaisquer sinais apreciáveis ​​de raízes”.

John McAfee foi um dos primeiros programadores a projetar um antivírus e desenvolver um scanner de vírus de computador quando trabalhava para a empresa aeroespacial Lockheed. Em 1989, ele fundou a empresa de antivírus McAfee Associates, que por alguns anos se autodenominou Network Associates e que acabou se tornando a empresa McAfee. Em 2010, lançou um novo projeto com foco em biossegurança à frente da empresa QuorumEx, com sede em Belize.

Em uma de suas últimas mensagens no Twitter, McAfee garantiu que “os Estados Unidos acreditam que escondi criptomoedas. Eu gostaria de ter feito isso, mas a realidade é que eles foram dissolvidos pelas muitas mãos da equipe McAfee, e o restante dos meus bens foi confiscados. Meus amigos desaparecem, eles têm medo de se associar a mim. Eu não tenho nada. Porém, não me arrependo de nada ”.

Nos últimos anos, ele enfrentou inúmeras controvérsias tanto por seus comentários críticos aos Estados Unidos, que o acusam de sonegação de impostos, quanto por sua negação da existência da pandemia da covid-19.

Com agências de notícias internacioinais

Compartilhar:

Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest

Inscrição na lista CISO Advisor

* campo obrigatório