healthcare-setor-de-saude.jpg

Itália: sistema de suporte à vacinação é alvo de ransomware

Moradores da região de Roma, uma das maiores da Itália, estão atualmente impedidos de agendar vacinação
Da Redação
03/08/2021
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest

O sistema que organiza a vacinação contra covid-19 na região do Lázio, justamente aquela em que fica Roma, parece ter sido atingido por um ataque de ransomware ainda no sábado dia 31 de julho. Com isso, os moradores da região, uma das maiores da Itália, estão atualmente impedidos de agendar vacinação. O governador Nicola Zingaretti publicou um comunicado pessoal no Facebook dando algumas informaçoes.

Embora a identidade e as intenções dos invasores não tenham sido imediatamente claras, a violação do sistema de registro de vacinação italiano parece ser na verdade um ataque de ransomware.

A violação do sistema de registro de vacinação ocorreu no fim de semana, um momento ideal para cibercriminosos oportunistas que sabem que têm menos probabilidade de serem notados e obstruídos por administradores de TI.

Em abril, o Departamento de Justiça dos Estados Unidos alertou que os hackers estão criando esquemas de fraude relacionada a vacinas covid-19 para consumidores. Eles prometem às vítimas dinheiro ou recompensas pelo preenchimento de pesquisas falsas. Na realidade, eles apenas coletam os detalhes pessoalmente reconhecíveis preenchidos para sustentar planos de fraude, incluindo roubo de identidade.

Veja isso
Ransomware ataca empresa e paralisa 40% das escolas na Itália
Cem bancos já atingidos pelo malware Ursnif só na Itália

Em maio deste ano de 2021, o Ministério Público do Distrito de Maryland fechou um site falso da vacina COVID-19 que estava roubando os dados dos visitantes.

Este é o comunicado de Nicola Zingaretti publicado no Facebook:

Na noite de sábado para domingo, a Região do Lazio sofreu um primeiro ataque cibernético de origem criminosa. Não sabemos quem são os autores e seus propósitos.
O ataque bloqueou quase todos os arquivos do data center. A campanha de vacinação continua regularmente para todos aqueles que fizeram a reserva. Nos próximos dias estarão abertos os agendamentos de vacinas por enquanto suspensos. No momento, o sistema está desligado para permitir a verificação interna e evitar a propagação do vírus introduzido com o ataque.
A LazioCrea nos informa que os dados de saúde estão seguros, assim como os dados financeiros e orçamentários.
Estamos migrando os serviços essenciais para nuvens externas para torná-los operacionais o mais rápido possível.
Agradeço ao conselho regional que hoje, apesar da rede inativa, decidiu realizar a reunião habitual. Um sinal importante de que não paramos.
Como presidente, ao agradecer o empenho, apelo a todos os operadores e colaboradores para que não desistam e prossigam com as atividades administrativas. Pedimos desculpas aos cidadãos pelos atrasos inevitáveis.
(…) A situação é grave e grave e alertamos de imediato a Polícia Postal e as mais altas instâncias do Estado, a quem agradecemos”.

Com agências de notícias internacionais

Compartilhar:

Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest