Instituto europeu de padrões de telecom sofre violação de dados

Hackers roubaram um banco de dados que continha a lista de usuários online do Instituto Europeu de Padrões de Telecomunicações
Da Redação
02/10/2023

O Instituto Europeu de Normas de Telecomunicações (ETSI) divulgou ter sido alvo de uma violação de dados na sequência de um ciberataque ao portal voltado a seus membros. Fundado em 1988, o ETSI é uma organização europeia independente de produção de normas europeias nas telecomunicações,envolvendo tecnologias como GSM, 3G, 4G, 5G e outras.

O ETSI tem mais de 900 organizações membros de 65 países em todo o mundo, incluindo academia, governo, entidades de pesquisa, organizações privadas e órgãos públicos.

Na semana passada, o órgão de padronização com sede na França anunciou que hackers violaram “o sistema de TI dedicado ao trabalho de seus membros”, roubando a lista de seus membros online. “O ETSI acredita que o banco de dados contendo a lista de seus usuários online foi exfiltrado”, disse a organização em um aviso de incidente em seu site.

O ETSI diz que tem trabalhado com a Agência Nacional de Cibersegurança da França (ANSSI) na investigação do incidente e que a vulnerabilidade que levou à violação de dados foi corrigida. “Desde o ataque e sob a orientação de especialistas da ANSSI, o ETSI corrigiu a vulnerabilidade, realizou ações de segurança adicionais e fortaleceu significativamente seus procedimentos de segurança de TI”, diz a nota da entidade.

Veja isso
ETSI cria padrão de segurança cibernética para dispositivos IoT
Norma vai garantir integridade dos dados em processos judiciais

Como medida de precaução, o ETSI pediu a todos os seus usuários online que redefinissem suas senhas, mas não está claro se as credenciais do usuário foram armazenadas no banco de dados roubado. De acordo com o órgão, uma investigação policial foi iniciada e o incidente foi relatado à Autoridade Francesa de Proteção de Dados (CNIL), conforme exigido pela regulamentação.

“A transparência está na raiz do ETSI, em nossa governança e trabalho técnico. Estamos muito gratos pelo conhecimento e conselhos dos especialistas da ANSSI, que nos ajudaram a determinar as ações corretivas a serem tomadas e a fortalecer a segurança de nossos sistemas”, disse o diretor-geral do ETSI, Luis Jorge Romero. Com agências de notícias internacionais.

Compartilhar:

Últimas Notícias