Instalação de chupa-cabra usa até endoscópio

Paulo Brito
27/09/2018
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest

Os golpes contra os usuários de caixas automáticos – especialmente a instalação de falsos leitores de cartão ou chupa-cabras – estão cada vez mais sofisticados. Um vídeo (clique abaixo) feito num país do Leste Europeu ainda não identificado mostra que os criminosos estão utilizando leitores de cartão minúsculos, soldados internamente aos leitores originais, além de câmeras bem escondidas para capturarem as imagens da digitação das senhas. Para fazer a soldagem e conferí-la, algumas quadrilhas se utilizam até de endoscópios conectados a celulares.

A revelação foi feita pelo Serviço Secreto dos EUA ao setor financeiro do país por meio de um relatório detalhando o golpe. O jornalista Brian Krebs, especializado em segurança da informação, teve acesso ao relatório e aos dados completos do método. Segundo ele, essas informações estão em plena divulgação entre as gangues do Leste Europeu.

Entre os conselhos dados aos clientes pelos bancos está o cuidado de usarem uma das mãos para cobrir o teclado na hora de digitar a senha. Isso, no entanto, só bloqueia a gravação por meio de câmeras colocadas na parte superior do caixa. Ocorre que algumas das câmeras são embutidas no painel frontal e gravam as imagens não de cima, mas de frente.

Cuidado. A moda pode estar a caminho do Brasil.

Compartilhar:

Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest