newspapers-444447_640.jpg

Hackers tiram do ar Correio da Manhã e sites do grupo português

Da Redação
06/02/2022

Um ataque hacker tirou do ar na manhã deste domingo o site do jornal português Correio da Manhã, bem como os sitesde todos os órgãos de informação do grupo Confina, proprietário do jornal, como a revista Sábado, o Jornal de Negócios e a CMTV.

O anúncio de indisponibilidade dos sites foi feito na madrugada deste domingo, quando o Correio da Manhã publicou na página do Twitter “motivos técnicos” para a indisponibilidade do site. Na página da revista Sábado também foi deixado o mesmo comunicado.

Veja isso
Lapsus$ publica dados sensíveis do presidente e família
Telas vazadas pelo Lapsus$ focam ambiente de TI da Claro

Poucos minutos após a saída do ar dos sites, o grupo hacker Lapsus$ fez um post no Telegram destacando a publicação feita no Twitter pelo Correio da Manhã, o que leva a dedução de que o grupo esteja por trás do ataque. Até o momento, porém, nenhum grupo reivindicou a autoria do ataque.

Em janeiro, o Lapsus$ atacou o grupo Imprensa, dono dos jornais Expresso e SIC, entre outros, o que obrigou os veículos a publicarem notícias nas redes sociais durante vários dias. O grupo de mídia teve que desenvolver novos sites​ após o ataque, visto que os originais ficaram completamente inacessíveis. Os arquivos também foram afetados. A Comissão Nacional de Proteção de Dados​ (CNPD) de Portugal abriu um processo de investigação do caso.

Compartilhar: