Governo israelense sofre seu maior ataque cibernético

Da Redação
16/03/2022

Vários sites do governo israelense caíram na segunda-feira em um aparente ataque cibernético. Os sites dos ministérios do Interior, Saúde, Justiça e Bem-Estar estiveram fora do ar, assim como o do Gabinete do Primeiro-Ministro. O acesso a alguns dos sites foi restaurado em pouco tempo.

Veja isso
Israel revela ter fábrica de dados para guerra com IA
Panorama da guerra cibernética entre a Rússia e a Ucrânia

Uma fonte da defesa afirmou que esse é o maior ataque cibernético já realizado contra Israel. Os especialistas do governo acreditam que um agente de estado ou grande organização está realizando o ataque, mas ainda não foi possível determinar quem está por trás dele.

Um alto funcionário da defesa também confirmou o ataque à mídia.

O estabelecimento de defesa e a Direção Nacional de Cibernética declararam estado de emergência para estudar a extensão dos danos, enquanto verificam sites estratégicos israelenses e infraestrutura do governo, como empresas de eletricidade e água de Israel, para ver se também foram atacados.

A defesa alega que o ataque atingiu sites que usam o domínio .GOV.IL, que é usado para todos os sites do governo, exceto os relacionados à defesa. Outro site que usa esse domínio é o banco de dados do governo. Apesar disso, alguns dos sites ainda puderam ser acessados ​​via smartphone.

Com agências de notícias internacionais

Compartilhar: