Google compra a Mandiant para integrá-la ao Google Cloud

Google vai pagar US$ 5,4 bilhões ou US$ 23,00 por ação, em uma transação totalmente em dinheiro. Feito isso, a Mandiant passará a fazer parte dos serviços do Google Cloud
Paulo Brito
08/03/2022

O Google anunciou na manhã de hoje que está comprando a Mandiant. A notícia diz que a empresa “assinou um acordo definitivo” para tal, mas isso quer dizer que os conselhos das duas empresas já concordaram com os termos e o negócio foi colocado em andamento. O controle acionário da empresa estava sendo disputado também pela Microsoft, segundo as agências de notícias. Quando as negociações começaram, o preço das ações dava à Mandiant um valor (valuation) da ordem de US$ 4 bilhões, mas o Google vai pagar US$ 5,4 bilhões ou US$ 23,00 por ação, em uma transação totalmente em dinheiro. Feito isso, a Mandiant passará a fazer parte dos serviços do Google Cloud.

Veja isso
Justiça manda Capital One entregar laudo de perícia da Mandiant
A FireEye compra a Mandiant por US$ 1B

Ao pagar esse valor, o Google atinge dois objetivos: em primeiro lugar, adquire um portfólio de inteligência em cibersegurança que não está disponível em outra empresa especializada – a Mandiant se tornou conhecida, desde a sua fundação, pela qualidade dos seus relatórios de perícia (forensics). Em janeiro de 2014 ela foi comprada pela FireEye por US$ 1 bilhão, mas tornou-se tão importante que sua marca permanece na liderança do mercado de investigações, enquanto a FireEye se tornou uma divisão de soluções de segurança e foi comprada pelo Symphony Technology Group (STG). O grupo juntou os ativos da FireEye com os da McAfee e formou a Trellix, especializada em proteção e resposta em endpoints, com receita da ordem de US$ 2 bilhões.

O segundo objetivo atingido pelo Google é chegar mais perto da meta de investir US$ 10 bilhões em cibersegurança em cinco anos, conforme anunciado em agosto passado em reunião na Casa Branca. A reunião ocorreu após o ataque ao oleoduto Colonial Pipeline, quando a Microsoft anunciou que investirá o dobro US$ 20 bilhões também em cinco anos, para fornecer ferramentas de segurança mais avançadas, além de direcionar US$ 150 milhões (R$ 786 milhões) diretamente para agências governamentais.

Segundo o comunicado do Google, a “aquisição da Mandiant complementará os pontos fortes existentes do Google Cloud em segurança. O Google Cloud oferece aos clientes um conjunto robusto de serviços, incluindo recursos pioneiros, como BeyondCorp Enterprise for Zero Trust e VirusTotal para conteúdo malicioso e vulnerabilidades de software; Análise e automação de segurança em escala planetária da Chronicle, juntamente com serviços como o Security Command Center, para ajudar as organizações a detectar e se proteger contra ameaças cibernéticas; bem como a experiência da equipe de ação de segurança cibernética do Google Cloud. Com a adição da Mandiant, o Google Cloud aprimorará essas ofertas para oferecer um conjunto de operações de segurança de ponta a ponta com recursos ainda maiores para oferecer suporte aos clientes em seus ambientes de nuvem e locais”.

Com agências de notícias internacionais

Compartilhar:

Parabéns, você já está cadastrado para receber diariamente a Newsletter do CISO Advisor

Por favor, verifique a sua caixa de e-mail: haverá uma mensagem do nosso sistema dando as instruções para a validação de seu cadastro. Siga as instruções contidas na mensagem e boa leitura. Se você não receber a mensagem entre em contato conosco pelo “Fale Conosco” no final da homepage.

ATENÇÃO: INCLUA newsletter@cisoadvisor.com.br NOS CONTATOS DE EMAIL

(para a newsletter não cair no SPAM)