Fujitsu tem dados pessoais e de clientes roubados em ciberataque

Gigante de tecnologia japonesa diz que hackers infectaram sistemas internos com malware e roubaram informações pessoais e de clientes
Da Redação
20/03/2024

A gigante de tecnologia japonesa Fujitsu confirmou na sexta-feira passada, 15, que foi vítima de um ataque cibernético que provavelmente resultou no roubo de informações pessoais e de clientes. A empresa diz que descobriu que vários computadores de seu ambiente estavam infectados com malware e os desconectou da rede.

Além disso, em uma notificação de incidente escrita em japonês (traduzida com o Google Translator), a Fujitsu esclarece que a investigação do ataque revelou que arquivos contendo informações pessoais e de clientes provavelmente foram roubados. “Depois de confirmar a presença de malware, desconectamos imediatamente os computadores empresariais afetados e tomamos medidas como fortalecer o monitoramento de outros computadores empresariais”, diz a notificação do incidente.

A empresa informa que continua investigando como ocorreu a infecção por malware e se houve vazamento de dados. E afirma que informou as autoridades nacionais sobre o ataque cibernético e que começou a notificar as pessoas e clientes potencialmente afetados. “Até o momento, não recebemos nenhum relato de uso indevido de informações pessoais ou de nossos clientes”, afirma.

Veja isso
Invasão a sistema Fujitsu leva dados do governo japonês
Agência espacial japonesa JAXA é alvo de ataque cibernético

A Fujitsu não compartilhou detalhes sobre o ciberataque do qual foi vítima, mas especialistas acreditam que pode ter sido ransomware, já que a resposta típica de empresas em geral quando são atacadas por ransomware é desconectar os sistemas para conter o incidente. Na maioria dos incidentes de ransomware também há o roubo de dados.

A empresa não revelou que tipo de informação pessoal foi roubada e quantas pessoas podem ter sido afetadas, e se a violação está limitada aos escritórios japoneses.

Em 2021, vários órgão governamentais japonesas foram alvo de uma violação de dados envolvendo o Fujitsu ProjectWEB, uma ferramenta para o compartilhamento de dados dentro e fora de ambientes empresariais. A Fujitsu acabou retirando do ar a ferramenta vulnerável.

Compartilhar:

Últimas Notícias