coronavirus-4817450_1920-1.jpg

EUA acusam hackers chineses de roubar dados sobre vacina da covid-19

Denúncia acontece poucos dias após EUA, Canadá e Reino Unido acusarem Rússia de tentar roubar dados de pesquisa sobre vacina contra o coronavírus
Da Redação
22/07/2020
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest

O Departamento de Justiça norte-americano denunciou nesta terça-feira, 21, dois hackers chineses suspeitos de roubar informações sobre projetos de vacinas contra a Covid-19. Eles também são acusados de violar a propriedade intelectual de empresas nos Estados Unidos e em outros países.

Os denunciados trabalhavam para o ministério da Segurança de Estado da China, segundo a promotoria norte-americana. Li Xiaoyu, de 34 anos, e Dong Jiazhi, de 33, também foram acusados de ataques a ativistas de direitos humanos dos EUA e de Hong Kong.

Segundo as autoridades, os dois participaram de um campanha de ciberespionagem, que já dura anos, e que pode ter roubado informações de remédios e códigos-fonte de softwares. O processo não cita empresas específicas, mas afirma que Li e Dong roubaram dados de computadores de EUA, Reino Unido, Alemanha, Austrália e Bélgica.

Veja isso
Rússia é acusada de ataques para roubar pesquisas sobre a covid-19
Vazamento revela novos números da covid-19 na china

O documento afirma que os dois atuavam como terceirizados do Ministério da Segurança da China, de onde recebiam informações sobre vulnerabilidades de sistemas para que penetrassem alvos e conseguissem coletar informações.

Os hackers estariam fora do alcance da polícia polícia norte-americana por supostamente estarem na China. Segundo a acusação, eles teriam agido em algumas ocasiões “para ganho pessoal”, mas também para o governo chinês.

Compartilhar:

Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest

Inscrição na lista CISO Advisor

* campo obrigatório