Cresceu em 2020 o volume de ataques aos sistemas industriais

Total de computadores do setor industrial atingidos por malware no ano de 2020 subiu de 31% para 39%
Da Redação
25/03/2021
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest

No segundo semestre de 2020, 39,3% dos computadores protegidos pela empresa Kaspersky nos setores de engenharia e integração de ICS (ambientes SCADA) foram alvos de malware. Houve um aumento na comparação com as detecções do semestre anterior de 2020, que foram de 31,5%. Automação predial, fabricação automotiva, energia e óleo e gás sofreram maiores aumentos desse setor. OS dados estão no relatório “Threat landscape for the ICS engineering and integration sector. 2020”, publicado no dia 17 de março de 2021.

Os especialistas reuniram dados relacionados às ameaças cibernéticas que foram bloqueadas em computadores usados ​​para gerenciar equipamentos de controle industrial e também no software de controle usado na indústria para engenharia e integração, incluindo interface homem-máquina, gateways OPC, engenharia, controle e software de aquisição de dados.

Veja isso
Gigante da indústria de IoT interrompe produção após ataque de ransomware
Ataques aos ambientes industriais subiram até 860% em 2020

América Latina, Oriente Médio, Ásia e América do Norte foram as regiões com o maior número de tentativas de infecção bloqueadas pelas soluções de segurança no segundo semestre de 2020. Por outro lado, o número de ataques de malware bloqueados na África, Rússia e Europa diminuiu nesse semestre em comparação com o primeiro. O maior aumento percentual no segundo semestre de 2020 (22,8%) foi observado na América do Norte, onde a maioria dos ataques observados pelos especialistas envolveu mineração de criptomoedas. A segunda região com o maior aumento foi o Oriente Médio, devido a um surto de módulos Fast-Load AutoLISP que se espalharam em projetos AutoCAD infectados e outros worms que se propagaram por meio de USB.

As organizações europeias de engenharia foram visadas principalmente por campanhas de phishing na tentativa de entregar spyware e malware de mineração. Os computadores que usam software VPN estiveram menos expostos a ameaças online, mas, infelizmente, eles representam apenas 15% do total.

Os especialistas apontaram que o cenário de ameaças para computadores no setor de engenharia e integração ICS varia de acordo com vários fatores, incluindo a localização geográfica, capacidade de acessar redes e serviços externos e comportamento do usuário.

Com agências de notícias internacionais

Compartilhar:

Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest

Inscrição na lista CISO Advisor

* campo obrigatório