Cibersegurança: Brasil é campeão em ameaças

Paulo Brito
23/07/2014

Cibersegurança: Brasil é campeão em ameaças

O Brasil é a principal fonte de ameaças cibernéticas na região da América Latina e Caribe, representando cerca de 40% dos incidentes, com a Argentina em segundo lugar (12%) e o Peru em terceiro (10%). No ranking mundial, o Brasil caiu do 4o para o 8o lugar  entre 2012 e 2013. Nesse ranking, os Estados Unidos estão em primeiro lugar. Esses dados estão no relatório “Tendências em segurança cibernética na América Latina e no Caribe”, preparado pela empresa Symantec e vários parceiros, e apresentado ontem pela Organização dos Estados Americanos (OEA) na reunião preparatória da sua Assembléia Geral em Assunção, Paraguai. O documento ilustra e analisa os últimos desenvolvimentos em cibersegurança e cibercrime na região.

Em Spam, o campeão é o Peru, com 30% dos incidentes, enquanto o Brasil está em 6o lugar (7,7%).  Já em spam via botnet a campeã é a Argentina (17,54%), com o Brasil em 5o lugar (7,51%). Somos campeões também em

  • hospedagem de bots (49,6% dos localizados)
  • hospedagem de armadilhas de phishing (52,2%),
  • ataques na web (44%)
  • ataques a redes (39,7%)
  • código malicioso (42,8%)

Vale a pena ver o relatório em
http://www.symantec.com/content/en/us/enterprise/other_resources/b-cyber-security-trends-report-lamc-annex.pdf

Compartilhar:

Últimas Notícias