Atos aceita proposta para reestruturação financeira

Da Redação
12/06/2024

A empresa francesa de tecnologia e segurança cibernética Atos aceitou uma proposta de reestruturação financeira de um consórcio que inclui um de seus grandes acionistas, a empresa Onepoint. A Atos teve vários anos tumultuados e lutou contra dívidas persistentemente elevadas, diminuição da confiança dos investidores e dificuldades financeiras. A empresa é a fornecedora de segurança cibernética para as Olimpíadas de Paris neste verão.

Veja isso
Airbus desiste de comprar a unidade de cibersec da Atos
Thales e Atos anunciam joint venture em ciberdefesa

A Atos – que administra supercomputadores para a dissuasão nuclear francesa, mantém contratos com o exército francês e é o parceiro de TI dos Jogos Olímpicos de Paris – está afundada em dívidas de quase cinco mil milhões de euros (5,4 mil milhões de dólares).

O grupo disse que seu conselho escolheu a proposta de reestruturação financeira feita pela consultoria digital Onepoint, do empresário francês David Layani e seus parceiros Butler Industries e Econocom, em vez de uma oferta liderada pelo bilionário tcheco Daniel Kretinsky.

Layani disse em comunicado que estava “totalmente mobilizado” para garantir que a Atos ocuparia mais uma vez o seu lugar como um ator importante no cenário internacional.

O presidente da Atos, Jean-Pierre Mustier, disse em comunicado que os eventos de terça-feira foram um “marco importante em nosso processo de reestruturação financeira”.

Compartilhar: