Book Livros Biblioteca Hacker Universidade

Ataque cibernético rouba salários de quatro universidades na Suíça

Invasores dos sistemas mudaram o destino bancários dos salários de funcionários: substituíram pelos dados de seus próprios bancos
Da Redação
05/10/2020
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest

Notícias na Europa central indicam que pelo menos quatro universidades da Suíça foram vítimas de invasão em seus sistemas admnistativos. Pessoas não identificadas penetraram nas redes das universidades por meio de programas espiões e desviaram os pagamentos dos salários de funcionários para bancos diferentes dos originais, causando prejuízos da ordem de centenas de milhares de euros. O cálculo foi feito pela promotoria pública do cantão de Basel-Stadt.

Os hackers teriam obtido acesso aos sistemas das universidades por meio dos chamados e-mails de phishing, que pediam aos membros da universidade para inserirem seus dados e assim alteravam as contas dos destinatários para o pagamento de salários. A organização universitária Swissuniversities confirmou os ataques à agência de notícias Keystone, mas não forneceu detalhes sobre a quantidade de danos e o número de universidades afetadas.

Veja isso
Universidade pagou € 197 mil pelo resgate de sistemas
Crescem 350% ataques a educação no primeiro semestre de 2020

De acordo com os jornais de domingo, a Universidade de Basel foi afetada. O seu porta-voz disse ao jornal que a universidade sofreu danos financeiros de cerca de 15.000 francos (pouco menos de 14.000 euros) no ataque, há várias semanas. A Universidade de Zurique relatou ao jornal tentativas semelhantes de fraude, mas elas foram notadas a tempo e evitadas.

Com agências internacionais

Compartilhar:

Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest