Image by akiragiulia from Pixabay

15 mil revendas automotivas paralisadas em ataque

Da Redação
19/06/2024

Um ataque cibernético, que pode ter sido de ransomware, tirou do ar na noite de terça feira dois data centers da empresa CDK Global, fornecedora de sistemas para 15 mil revendas de veículos nos EUA, deixando as empresas sem condições de operar. A informação foi dada ao portal Bleeping Computer por Brad Holton, CEO da Proton Dealership IT, uma empresa especializada em serviços de segurança cibernética e de TI para revendas de automóveis.

Veja isso
Lockbit pede a revenda de carros resgate de US$ 60 milhões
Hackers exigem US$ 10 milhões de resgate da gigante Hoya

A CDK Global oferece aos clientes da indústria automobilística uma plataforma SaaS que trata todos os aspectos da operação de uma concessionária de automóveis, incluindo CRM, financiamento, folha de pagamento, suporte e serviço, estoque e operações de back office. Para usar os serviços do CDK, as concessionárias mantêm uma VPN sempre ativa conectando-se com os data centers, para que seus aplicativos locais acessem a plataforma.

A CDK já informou oficialmente que está “investigando ativamente um incidente cibernético. Por muita cautela e preocupação com nossos clientes, desligamos a maioria de nossos sistemas e estamos trabalhando diligentemente para colocar tudo em funcionamento o mais rápido possível. Por volta das 16h30 de hoje, a CDK informou aos clientes que haviam sido restaurados os serviços de telefones e vendas. No entanto, a empresa continua a realizar testes em todos os outros aplicativos antes de colocá-los online novamente.

Hoje, o fabricante de empilhadeiras Crown Equipment confirmou que no início deste mês sofreu um ataque cibernético que interrompeu a produção em suas fábricas. A Crown é um dos maiores fabricantes de empilhadeiras do mundo, empregando 19.600 pessoas e possuindo 24 fábricas em 14 locais.

Compartilhar: